quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Tecnólogos já podem obter seu registro profissional

O Conselho Federal de Administração (CFA) publicou no Diário Oficial da União desta sexta-feira, dia 13 de novembro, a Resolução Normativa que aprova o registro profissional nos Conselhos Regionais de Administração (CRAs) dos diplomados em cursos superiores de tecnologia. Os profissionais já podem entrar em contato com os Conselhos Regionais de Administração de sua região para obter mais informações sobre o registro profissional. A autarquia debate agora os mecanismos de operacionalização deste processo. Para regulamentar sua atuação, o profissional deve ter formação em um dos cursos de Graduação em Tecnologia relacionados à área da Administração descritos Catálogo Nacional dos Cursos Superiores de Tecnologia (http://catalogo.mec.gov.br) e estar atuando nos campos profissionais relacionados à área. Nos últimos anos, cresceu significativamente a procura pelos cursos Graduação em Tecnologia. O perfil dos alunos mudou e, com isso, surgiram outros nichos e áreas onde estes profissionais podem atuar no mercado de trabalho. Com a finalidade de orientar e disciplinar o exercício da profissão de Administrador, conforme descrito na Lei nº 4.769/65, o CFA tem a responsabilidade de regulamentar e fiscalizar a atuação profissional nos campos da Administração. Neste sentido, a regulamentação dos diplomados em cursos superiores de tecnologia faz parte da preocupação da autarquia, por se tratarem de profissionais atuantes na área. Da mesma forma, o registro profissional de tecnólogos demonstra o apoio do CFA a uma demanda do Ministério da Educação ao que se refere à implementação da política da educação profissional e tecnológica no país. Acesse a Resolução Normativa nº 373, de 12/11/09, e a Resolução Normativa nº 374, de 12/11/09, e entenda melhor o processo de regulamentação dos diplomados em cursos superiores de tecnologia.
Lilian Saldanha
Jornalista
Fonte: www.cfa.org.br

108 comentários:

  1. Caros colegas Administradores bachareis; vejam bem, no meu entender esses cursos de tecnologia foram feitos para quem quer dar uma puladinha ou salto na vida profissional "sem fazer esforço nos estudos" !! Passei 05 anos em uma univesidade federal cursando Administração de Empresas e logo depois mais 01 ano me especializando (Pós-graduação) em Administração de Recursos Humanos, e no entanto, ainda acho que preciso aprender muito coisa sobre a ciência da administração !! acho que um profissional de curso superior bem sucedido não se forja ou se prepara em 2 ou 3 anos !! Também acho que é um absurdo registrar disciplinas epecificas do nosso curso como se fossem cursos superiores; e além do mais essa gestão atual do governo federal deixa a desejar em muitos aspectos ("sem comentários") como nós sabemos não é nenhuma referência !! Se os tecnologos quiserem se registrar, que lutem e criem o seu próprio conselho ou "sub-conselho", o problema é deles e não do CFA !!! Garanto que no curso de Direito (através da OAB e do poder judiciário) os membros e profissionais da área jurídica com certeza não irão permitir que seu curso (DIREITO), seja desmembrado em disciplinas como Direito Civil, direito penal, direito administrativo, etc;, e logo depois aceitar que sejam registrados na OAB como Tecnólogos em advocacia civil, tecnologos em advocacia criminal, tecnologos em advocacia eleitoral, etc,; pois para isso existem cursos de pós-graduação em respectivas áreas do direito !! Vejo essa atitude do CFA como totalmente imprudente e de uma certa forma uma falta de consideração e respeito com os Bachareis em Administração, pois antes de tomar tal decisão o CFA deveria ter realizado uma pesquisa de opinião pública com os administradores registrados em todos os CRAS do Brasil ("que iclusive ainda da tempo para ser realizada antes que a legislação seja alterada através de lei e não de resoluções ilegais"); e sem falar no desprestígio para o curso de administração, que permite que a ciência da administração seja desmembrada em "sub-cursos" incompletos !!! Será que fariam isso tabém com o curso de Medicina ?? !! ??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido Administrador......ser formado numa Universidade Federal não te dá o título de melhor profissional do mundo pois, existem profissionais e profissionais.Logo, assim como temos graduandos enrrolões em faculdades particulares temos, também, nas federaie eou estaduais aqueles que passam anos e anos empurrando com a barriga, enquentando cadeira (abre curso...fecha curso). Resumindo....tomando vaga dos que realmente deveriam estar ali.....

      Excluir
    2. Caro "Anônimo"
      Devo lhe dizer que a modalidade de tecnólogo não é para pessoas que querem chegar lá de modo mais fácil. Veja só, você disse que é difícil "forjar" em 2 ou 3 anos um bom profissional de nível superior. Ora, percebi que muitas vezes nem em 5 anos se consegue fazê-lo. Não lhe culpo pelo diminuto conhecimento demonstrado, afinal de contas, o brasileiro aprendeu a medir o "bom" e o "ruim" por análises quantitativas, logo, um curso de 5 anos é melhor que o de 2 simplesmente pelo tempo (vou sugerir ao MEC um curso de corte e costura com 6 anos de duração, assim ele se torna melhor que o seu de 5 anos). O povo europeu por exemplo, prefere uma análise mais qualitativa. O curso de tecnologia sempre existiu, só que no Brasil mudou a cor da grama, o povo morre de fome....na Europa, 53% das pessoas com nível superior proveem de cursos de tecnologia, e o povo Europeu é um dos mais cultos e estudados do mundo (talvez seja por isso que gosto de passar minhas férias por lá...)
      Nunca ouvi falar de um curso de ADM com cinco anos de duração e lamento informá-lo que a melhor faculdade de administração do país é particular e não federal e se chama Fundação Getúlio Vargas - FGV, aliás, sou pós - graduado lá e tecnólogo em Gestão de Recursos Humanos. Sou tão ruim por ter feito um "sub-curso" (mas o que se percebe aqui é que existe sub-conhecimento, ou pseudo conhecimento)que hoje sou professor universitário, inclusive em uma faculdade federal na área de ADM (e posso afirmar que existe mais aluno mané lá do que em um curso de tecnologia, mas não vou explicar aqui as razões, pois o seu apego ao tradicional lhe impediria de compreender - vamos deixar a cor da grama como está)
      Sou coordenador de curso de ADM e GNI (vide dicionário ou google para entender as siglas), mestre e doutor em Administração, mas como você disse, sou incompleto em minha formação.
      E qual foi o motivo de você ter escolhido Administração? - Lembre-se que para quem não sabe onde quer chegar, qualquer caminho serve...
      Bom vou ficando por aqui, até pelo fato de não ser professor na modalidade EAD....
      Sucesso para você. Um conselho: Aumente o seu conhecimento, seja menos arrogante, mais qualitativo e menos quantitativo, e deixa a turma do CFA trabalhar, afinal de contas, se você pensasse diferente, talvez pudesse fazer parte deste conselho....
      Outra observação: Você é a primeira pessoa que fala com orgulho do fato de ter estudado 5 anos em uma faculdade federal, e nem cita o nome da mesma.....
      Abraços, sucesso e melhoras, muitas melhoras....
      PROF. DR. MARCEL FERNANDEZ PFAFF

      Excluir
    3. Muito bom bom ler esclarecimentos de pessoas que entendem do assunto , ao contrario de pessoas que se acham ser o bom quando na verdade não se tem nenhum conhecimento . PROF. DR. MARCEL FERNANDEZ VOU LEVAR ESTE ENSINAMENTO SEMPRE PARABENS

      Excluir
    4. Sou formado em Tecnologia em Processos gerenciais e vejo que tenho mais capacidade de execução de que vários de instituições federais que dizem que é os cara kkkkkkk cara o que só tem nome
      hoje ganho mais que esses sofredores de 5 anos ou mais que pensam que sabe mais quando chega no mercado de trabalho fica passando vergonha como eu vi muitos eu acho que eles precisam passar 10 anos para aprenderem a ser mais práticos do que teóricos kkkkkkkkkkk.......

      Excluir
  2. O pior de tudo é que cursos de tecnologia como Gestão de eventos, Gestão de Moda, Gestão de segurança privada, etc; poderão se registrar nos CRAS, é um verdadeiro absurdo !!! Acho que o CFA só permitiu esa palhaçada ilegal, no intuito de arrecadar mais anuidaes ( R$, R$ ) !!! É por isso que a nossa profissão de administrador não vai pra frente, pois o próprio orgão de fiscalização da classe permite uma aberração desse tipo !!! Hoje eu acho que Administração não é mais para administradores e sim pra Tecnologos e outras sub-profissões inventadas por aí a fora !!! Realmente foi uma verdadeira sacanagem que o CFA fez com os administradores bacharéis !!!

    ResponderExcluir
  3. Prezado amigo anônimo,

    Estou me formando este ano em um curso de Gestão. Fiz o curso não pelo certificado e nem por um registro em conselho já que não dependo de nem um dos dois para minha sobrevivência, fiz pelas informações que obtive e que certamente usarei em minha profissão, para melhor atender a sociedade e produzir um resultado muito mais efetivo do que aquele que nenhuma informação tem. Quanto ao registro no CFA, espero que ele possa trazer algum benefício para nós Gestores, caso contrário será uma medida inócua. Acho sinceramente que tem muito mais coisa errada neste país do que esta sua preocupação. Por exemplo: Advogados, Médicos, Engenheiros totalmente despreparados e ainda assim eles tem registro em seus respectivos conselhos. Isto sim é preocupante. Quanto à denegrir a sua categoria, não concordo com seu ponto de vista já que em minha opnião quem faz a categoria é o próprio profissional e não a classe a que ele pertence. Então se você for competente meu amigo, esqueça estas picuinhas que não levam a nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falou tudo... Concordo... Vários estudam 4, 6, 10 anos, e não sabem nada...

      Excluir
    2. CONCORDO PLENAMENTE COM VOCE. FIZ GRADUAÇÃO EM GESTÃO EM RH. AGORA ESTOU FAZENDO A POS E O MBA EM GESTÃO DE PESSOA.NÃO FAÇO NENHUMA QUESTÃO DE CARTEIRA DO CONSELHO ,POIS NÃO VAI INFLUENCIAR EM ABSOLUTAMENTE EM NADA NO MEU DESEMPENHO,CAPACITAÇÃO,HABILIDADES E LIDERANÇA QUE JÁ EXERÇO A 25 ANOS NA EMPRESA QUE TRABALHO.APENAS ESTOU ESTUDANDO PARA OBTER MAIS CONHECIMENTO.

      Excluir
  4. domingos concordo perfeitamente com vc a evolta desse anonimo e devido a sua imcompetencia do bacharelado mal feito que ele fez, e se ver obrigado a admitir que um ecnologo e mais competente que ele

    ResponderExcluir
  5. Prezados,

    Acabo de me formar em Gestão de Finanças. Fiz este curso não pra "pular ou saltar" etapas, como disse um colega acima. Simplismente escolhi um curso que atendia às minhas necessidades, enxuto e focado. Trabalho dez horas por dia e não tenho tempo sobrando pra estudar Psicologia Organizacional, Sociologia Organizacional ou Filosofia e Ética. Nem o mercado nem eu podemos esperar seis anos para ter alguém especialista na área. É melhor passar três anos na prática que seis na teoria.

    ResponderExcluir
  6. ALGUÉM DISSE AÍ ACIMA QUE EU FIZ UM BACHARELADO MAL FEITO !!! Caro tecnologo, sou formado por uma UNIVERSIDADE FEDERAL, " não preciso dizer mais nada" !!!, quanto a você, deixa pra lá !! Agora dizer que um curso de 02 anos prepara bem um profissional de nível superior é brincadeira, desculpe, mas não vão me convencer !!! Cursos de tecnologia fornecem pouca base de conhecimentos científicos, pois são muito resumidos e compactos !! A grade curricular desses cursos são nada mais do que disciplinas de cursos superiores regulares (bacharelados ou licenciaturas) que foram desmembradas e transformadas em cursos compactos e paleativos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro recém formado, tenho graduação em nível de bacharelado em C. Contábeis, Economia e Tecnólogo em Processos Gerenciais, especialista em Controladoria e Mestre em Finanças, estou por vias de iniciar um doutorado a partir de abril/2012, então vamos combinar que não vamos falar de formação, certo? Fui executivo alguns anos de minha vida em multinacionais, sou docente em diversas universidades do sul do país e sei perfeitamente, pela minha experiência o que mais eu utilizo hoje em dia em minha profissão de Consultor Empresarial (e bem sucedido), é o curso tecnológico. Em aula sei exatamente quais alunos terão sucesso em suas carreiras e quem dificilmente o terá, é assim, nós percebemos, então de nada vale realmente ter uma graduação em nível de bacharelado ou tecnólogo, o teu sucesso está em você, seja você administrador, tecnólogo, então entendo que você não deva ficar nesta revolta por que não levará a nada, vejo que você fostes um aluno crítico e os professores apostam muito nestes alunos, então vá em frente e de vasão à sua profissão que com certeza será de muito sucesso. Mas veja bem, toda a profissão é digna, não se esqueça que um estudante sai da universidade sabendo em média 13% do campo do conhecimento, então quem aprova com 10,0 e quem aprova com nota 7,0 não tem diferença nenhuma no final. Nesta briga você está brigando é om você mesmo. Toda a profissão é digna e os tecnólogos sabem tanto quanto você nas matérias que lhes competem, e disto eu tenho certeza. Abraços.

      Excluir
  7. Administração engloba muitos processos e estratégias, que não podem ser suprimidos ou excluídos em cursos compactos e mal formulados para um bom desempenho profissional do administrador de empresas ou público!!! Para se atuar e entender a ciência da administração, necessário se faz ter conhecimentos de TGA, O E M,SOCIOLOGIA, ÉTICA,contabilidade, vendas, RH,direito,ETC.; conhecimentos que são imprecindíveis para a atuação do bom gestor.

    ResponderExcluir
  8. Caros amigos administradores bacharéis, é interessante, que a formação de 1º grau escolar é de 08 anos (incluindo ginásio e primário), e a de 2º grau é de 03 anos; como pode a formação escolar superior de 3º grau (que era no mínimo de 04 anos)ser considerada hoje como superior em apenas 02 anos de estudos ???? "COISAS DE BRASIL" E DE GESTORES NACIONAIS SEMI - ANALFABETOS, QUE BANALIZARAM O ENSINO SUPERIOR NO PAÍS !!!!
    .
    ALÉM DO MAIS, ADMINISTRAÇÃO É PARA ADMINISTRADORES, COMO O PRÓPRIO BLOG JÁ DIZ !!!!!!!! OK !!!

    ResponderExcluir
  9. DO JEITO QUE AS COISAS VÃO (através do MEC) "ATÉ A PROFISSÃO DE PARTEIRA" VAI SE TORNAR CURSO SUPERIOR !!!, ACHO QUE SERIA INTITULADO DE Curso superior de Graduação em Tecnologia de " Gestão em Partos " !! aahaaa !! aaah !! haaa!!!!!!!!; os médicos que se cuidem !! hhaaahaaaahhaaa !!!

    ResponderExcluir
  10. Acho uma verdadeira palhaçada essa discussão toda sobre o assunto. Concordo que existe muito médico charlatão, advogado de porta de cadeia e "administradores" de sei lá o que... Não é o tempo que vc passa na faculdade (não importa se federal ou particular)que vai definir seu profissionalismo após formado. E além do mais hoje em dia o mercado de trabalho evoluiu a ponto da necessidade de ter os tecnólogos com foco em determinadas áreas (eu por exemplo estou fazendo na área de recursos humanos)e com certeza estou me dedicando muito nos estudos. Só por esse fato acho que merecemos sim, mais respeito e direitos igualitários!

    ResponderExcluir
  11. Acho que esse Bacharel está mesmo é com medo de perder seu espaço como o outro colega acima falou existe muitos profissionais inscritos em seus respectivos órgãos de classe porém são incompetentes para assumir sua função, e ficam criticando os tecnólogos por sua atuação específica e bem preparada.

    ResponderExcluir
  12. TODA DESCULPA DOS FRACOS É SEMPRE A SAÍDA MAIS FÁCIL !!! O PIOR CEGO QUE EXISTE É AQUELE QUE NÃO QUER ENXERGAR !!!

    ResponderExcluir
  13. ADMINISTRAÇÃO DE RH OU DE PESSOAL, NÃO É UM CURSO E SIM UMA ESPECIALIZAÇÃO OU DISCIPLINA DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS OU DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, QUE SE RESUME BASICAMENTE EM UM VOLUME DE LIVRO DIDÁTICO !!! Quem quiser se enganar que se engane!!!!

    ResponderExcluir
  14. ALÉM DO MAIS, ESSE BLOG É PARA ADMINISTRADORES BACHARÉIS; NÃO SEI O QUE VOCÊS TECNOLOGOS ESTÃO FAZENDO POR AQUI ???? SERÁ QUE LÁ NO FUNDO DE SEUS EGOS NÃO GOSTARIAM DE SER BACHARÉIS FORMADOS EM ADMINISTRAÇÃO ????

    ResponderExcluir
  15. Professor.

    Sou formado em Gestão de RH, tenho MBA em Gestão Empresarial, atualmente leciono em uma Faculdade. Concorri com docentes com mestrados, mas pelo desempneho e conhecimento fiquei com a vaga. O que importa não é de onde se vem, bachareladado, licenciatura ou tecnólogia, o que importa é o arcabolço de conehciemntos adiquiridos na experiência da vida X conhecimento cientifíco. Não se pode desmerecer uma categoria apenas pela nomeclatura ou duração do curso. E se isso fosse verdadade para melhorar o Ensino brasileiro poderíamos colocar o 2º grau para ser concluído em 6 anos e os bachareis em 10 anos, será que isso resolveria ? O que importa não o tempo e sim a qualidade do que é estudado. Em momento nenhum quero desmerecer os bacharéis e sei do seu valor, mas as coisa estão mudando, queira ou não queira o mercado é dinâmica e precisa ser resciclado, tecnologia é nova tendência, curos mais enxutos. Bacharéis não fiquem revoltados. Amigo !!! Amigo.
    Forte abraço e fiquem com Deus.

    ResponderExcluir
  16. Ao amigo bacharel,sou formado na área tecnológica em SEGURANÇA PRIVADA,e posso te dizer com certeza que o amigo com seu bacharelado,me desculpe,não é competente para administrar um departamento de segurança simplesmente com a sua ciência administrativa.Pois além do conhecimento acadêmico, na área tecnológica,precisa-se ter vivencia na prática.Eu além de ser profissional administrador de segurança privada,também sou profissional de segurança Pública.

    ResponderExcluir
  17. Garanto que para ensinar em UNIVERSIDADE FEDERAL ou FUNDAÇÃO PÚBLICA de ensino superior "VAI SER MEIO DIFÍCIL", pois a preferência é por cursos normais de bacharelado ou Licenciatura + Mestrado, no mínimo !!!

    ResponderExcluir
  18. Veja bem tecnólogo de segurança privada, "você não é administrador" e sim tecnólogo em vigilância, não afirme possuir tal titulação, pois para isso é necessário ser bacharel em administração de empresas ou administração pública (conforme legislação específica). Já em relação a administrar uma empresa de segurança privada não vejo dificuldade alguma, pois é uma empresa como outra qualquer em termos administrativos e burocráticos que pode ser gerida com o auxílio de mão de obra terceirizada caso haja necessidade de conhecimentos técnicos ( instalação de câmeras, compra de armas e apetrechos de segurança), e que realmente não se faz necessário a criação de um curso superior em Tecnologia para tal atribuição meramente operacional e grosseira de 2º plano. E só para o seu governo a título de meros esclarecimentos, já servi as forças armadas (exército), se isso lhe servir de algum consolo !!! E além do mais se você é profissional de segurança pública, não poderia de forma alguma ser profissional da segurança privada, pois ser servidor público e empresário é notoriamente proibido no Brasil, ou bem dizendo, você está na ilegalidade sabichão !!!

    ResponderExcluir
  19. Amigos,

    Sou Administrador (bacharel) e Tecnólogo em segurança no trabalho, sinceramente acho que essa discussão interessante e do meu ponto de vista acredito que vários profissionais de áreas diversas possuem registro em seus respectivos conselhos mas, na prática nem sempre correspondem aos seus titulos.
    Ora, se a graduação tecnologica é reconhecida por que não obter registro nos conselhos de classe? Acho muito positiva essa iniciativa do CFA e ainda considero de suma importancia uma avaliação periodica de todos os profissionais registrados no conselho sejam tecnólogos ou bachareis.
    Tenho especialização na área de gestão e infelismente posso afirmar que tem muitos profisionais (bachareis e/ou tecnólogos) com horas de estudo na bagagem e pouco conhecimento aplicado à prática, e o inverso também é verdadeiro, há bachareis e tecnólogos que são exemplo no campo conhecimento e na aplicabilidade do mesmo.
    De modo que em minha singela opini~~ao aprender, está mais relacionado a intensidade da dedicação individual do que as horas de estudo de cada grade curricular.
    Amigo bacharel, se o CFA resolver aplicar provas para renovação de registro espero que não mas, talvez possamos nos surpreender com o resultado.

    Abraços e Paz para todos voces!

    ResponderExcluir
  20. nesse caso, em relação a realização de provas pelo CFA (se fosse necessário), iria depender de cada um, pois deve-se estudar sempre e nunca parar, o ideal é sempre adquirir novos livros nas áreas de interesse do profissional da administração de empresas ou pública !!!

    ResponderExcluir
  21. falando em legalidade, por que o Código Civil Nacional não impõe que o "Administrador" das sociedades limitadas (por exemplo), deva ser OBRIGATORIAMENTE bacharel em administração de empresas? Ou seja, um cidadão que estudou até a 4ª série pode ser administrador de uma empresa, legalmente constituído... e o Conselho de Administração não vai encher o saco do cara..

    ResponderExcluir
  22. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  23. Prezado Coléga que não quer se apresentar, acho que você como bom bacharel, formado em uma universidade federal deveria viajar pelo mundo um pouco e dar uma olhada na mão-de-obra qualificada nos EUA e Alemanhã, Holanda etc.. Paises de primeiro mundo onde grande parte da mão-de-obra com curso superior são de profissionais com cursos superiores similares aos tecnologos Brasileiros, cursos focados e com determinadas funções. Mas você como bacharel e formado em uma universidade federal, não tem tempo de estudar ou pesquisar antes de escrever bobagens na internet, basta conversar com alguem que tenha viajado para estes lugares e tenha trabalhado para verificar a inumera quantidade de profissionais formados em cursos de tecnologia.

    ResponderExcluir
  24. PURA LOROTA DE SONHADOR QUE NÃO QUER ENXERGAR A REALIDADE !!!!!

    ResponderExcluir
  25. AI ai... me formei em gestão de rh e sou responsavel pelo rh de uma empresa com mais de 200 funcionarios... enquanto vc fica ai querendo diminuir os outros, os tecnologos estão se destacando mais e mais no mercado de trabalho.... tenho certeza que se fizer um teste de competencias contra mim, vc perde de longe....

    ResponderExcluir
  26. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  27. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  28. Olá caros colegas, é chegado o momento de todos parar com tantas babozeiras,afinal de contas o CFAs já garantiu o registro dos tecnolôgos,vejam bém,sou formado em tecnologia em administração de Pequenas e médias Empresas e já terminando pós em administração Hospitalar outra coisa,não é ser bacharel ou tecnologo e nem estudar em grandes faculdades que voçê desponta ,o problema está na dentro de cada um de nos termos ética, conduta respeito ao nosso semelhante afinal de contas o "SOL NASCEU PRÁ TODOS"

    ResponderExcluir
  29. "O SOL NASCEU PRÁ TODOS" não é esta discurçôes que vai melhorar cada um de nos só, vai piorar as coisas.Pense bém, não é denegrindo a imagem uns de outros que vamos chegar a algum lugar,ser bacharel ou tecnologo é cada um na sua e o " MEC" e o CONSELHO FEDERAL DE ADMINISTRAÇÃO são soberano para descidir e não adianta ficar esbrabejando e lastimando pelos cantos, os tecnologos vierão para ficar e mostrar que em menor tempo de faculdade são eficiêntes e eficaz.

    ResponderExcluir
  30. OS CURSOS DE MEIA-BOCA (TECNOLÓGICOS) ESTÃO SE PROLIFERANDO COMO FORMIGAS, E O MAIS INCRÍVEL É QUE AINDA EXISTEM NA MODALIDADE A DISTÂNCIA (EAD) CONFIRMANDO AINDA MAIS A MÁ QUALIDADE DE ENSINO DESSES SUB-CURSOS !!!!

    ResponderExcluir
  31. Srs., pelo que posso verificar nas postagens anteriores é que a maioria estam muitos preocupados não só com a popularidade dos TECNOLÓGOS como o seu registro valido e reconhecido.....Parabéns aos TECNOLÓGOS viemos mesmo para dar muito trabalho ainda, e viva a democracia.

    ResponderExcluir
  32. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  33. Pessoal, sou formada em Gestão de Recursos Humanos, especialista(MBA) em Psicologia Organizacional. Nós com o curso que temos(tecnólogos) sabemos da nossa importancia no mercado de trabalho e por isso vem crescendo muito, quem faz o profissional, não é a instituição, não é o curso e sim a propria pessoa, que esta sempre em busca conhecimento. E por isso não vamos levar adiante ofenças e criticas,não é necessário bate boca, o que por sinal é muito feio e anti ético. Nós fazemos a diferença! Obrigada.

    ResponderExcluir
  34. Em relação ao exposto logo acima, digo,

    "O PIOR CEGO QUE EXISTE É AQUELE QUE NÃO QUER ENXERGAR" !!!!!
    ____________________________________________.

    De nada !!!!!

    ResponderExcluir
  35. Prezados,

    Sou formado em Gestão Empresarial, com MBA e Administração, Finanças e Negócios, e Gerente Adm. e Fin. de uma importante corretora de Seguros. Sou Registrado no CRA e estou impressionado com a atitude ridícula, para não falar idiota, do nosso amigo "anômino", que se intitula "baicharel e Doutor" já que também é formado em direito. E por ser formado em direito, deveria reconhecer que a lei e as decisões estão aí para serem cumpridas ou até questionadas, mas questionadas na Justiça!
    Como nosso amigo também é especialista em RH, deveria saber que o profissional desta área (RH)ousadia, capacidade de assumir riscos, visão global e flexibilidade são competências constantes e hoje essenciais para qualquer organização, seja ela pequena ou global. O profissional da área de RH precisa crer nisso. Se não acreditar e tiver receio, ficará numa organização voltada ao que o passado esperava, onde alguém decide, alguém pensa e o resto cumpre, o que gerará, automaticamente, pessoas que não terão empregabilidade e nem foco e que não serão absorvidas pelo mercado. Não que a pessoa não seja boa, mas ela está preparada para o mercado antigo, e não para o mercado novo.
    Meu amigo "Mané", será que você se encaixa no quesito acima?

    Acho que não fico devendo nada para um "bacharel" como você.

    Um Abraço,

    ResponderExcluir
  36. Não adianta tentar me convencer com esse papinho bonito e utópico de que " o mercado não espera por ninguém" ou que as organizações aceitam qualquer formação ou sub-curso para selecionar seu pessoal, pelo contrário, preferem os mais preparados dos melhores cursos (bacharelados) e as melhores universidades (Federais ou fundações como a FGV), pois constituem a melhor mão-de-obra epecializada e preparada com maior treinamento técnico e científico.
    /
    Ainda te digo mais, como administrador especialista em Adm. de RH e advogado especialista em Direito processual, que a globalização e integração de mercados nacionais e internacionais dependem de pessoas preparadas e possuidoras de forte base de conhecimentos generalistas (Administração, direito, economia, sociologia, línguas,contabilidade, finanças, tecnologia da infomação, etc), conhecimentos esses que devem ser reunidos e aplicados como ferramentas indispensáveis para o bom desempenho do profissional do mundo gerencial dos negócios.
    /
    Me desculpem, mas os cursos tecnológicos são muito "limitados" em conhecimentos do mundo dos negócios empresariais, e não condizem com a realidade e os fatos que você expõe acima em seus comentários de zé mané inconformado E REVOLTADO !!

    .
    Você apenas me deve 10 anos de estudos em relação aos seus 03 anos de pouco estudo !!! Afinal de contas, Administração de Empresas e Direito, são realmente e verdadeiramente cursos "SUPERIORES" que não podem ser comparados em momento algum com sub-cursos de meia-boca (Graduação Tecnológica) !!!
    .
    INFELIZMENTE A VERDADE DÓI !!!!!!!

    ResponderExcluir
  37. Caros amigos bachareis e administradores, porque se registrar num conselho que permite e aprova esses cursos de preguiçosos mentais...
    Não devemos bater boca até porque não só em nível cultural e intelectual temos nivel superior.
    Faculdade de 2 anos... É brincadeira estão fazendo supletivo para ensino superior, OUTRA COISA TÉCNOLOGO É CURSO PARA ORELHA SECA, NUNCA ESTARÃO EM POSIÇÕES ESTRATÉGICAS.

    ResponderExcluir
  38. Finalmente econtrei alguém com o pensameto igual ao meu !!!! O anônimo logo acima (caro colega Administrador), está coberto de razão !!!! CARO COLEGA, FAÇO DE SUAS PALAVRAS AS MINHAS !!!

    ResponderExcluir
  39. Li alguns dos comentarios acima e fiquei REALMENTE CHOCADA com tanta IGNORANCIA , chega a ser absurdo!
    Meu nome é Thamirys, tenho 20 anos, e me sinto na obrigação de comentar.
    O que leva um cidadão, que enche o peito de orgulho por ser formado em uma universidade federal que tem tantas especializações e confesso até admirá-lo por isso, pq diante da realidade do País em que vivemos uma pessoa esforçada e com uma bagagem de estudos como essa é realmente a exceção, tenha tanta falta de consciência e " informação "?

    Mas o que eu sinceramente não consigo acreditar , é que essa mesma pessoa, tão orgulhosa de si, consegue ser tão cheia de preconceitos e abusar de tamanha ignorancia.

    Caro amigo, em primeiro lugar o fato de vc ter cursado a sua graduação em uma Universidade Federal não o torna melhor do que alguém que AQUI escreveu. Posso te afirmar ( com absoluta certeza , mesmo pq foi uma experiência vivida por mim ) que fui aprovada E classificada em 3 , das 4 maiores Universidades do Rio de Janeiro, e escolhi a UFRJ pq acreditava que nela todas as minhas expectativas seriam atendidas, e não foi isso que aconteceu. A universidade tem seu prestígio e isso é indiscutivel, PORÉÉM existem muitos alunos, inclusive AMIGOS meus que estudam lá até hj , que não se dedicam e não tem o MENOR preparo, que obviamente vão ficar lá até o periodo máximo ( 7 anos, após isso poderão ser jubilados ) vão se formar nas coxas e sair com um diploma de uma " puta " Universidade ( me desculpe o termo ) mas sem o menor conhecimento do que irão exercer. Agora te mostro o outro lado da Historia , mudei minha vida por completo, por opção minha resolvi mudar de curso, hj estou no 2º período do curso de Gestão de Recursos Humanos, adooooooooro o que estudo, e tenho muita capacidade pra ser tão boa profissinal como o Sr diz ser. O que realmente é fundamental, e o que vai contar lá na frente é o empenho, a dedicação. Se vc tem todo esse reconhecimento hj por seus anos de estudo, não desmereça e nem desmotive os de outras pessoas, pelo contrário, incentive, faça com que as pessoas cresçam , o nosso País precisa disso, de pessoas motivadas para o bem. Use seus conhecimentos para algo mais interessante do que diminuir o tão igual, e de repente até melhor conhecimento de outras pessoas que o seu. A vida é uma troca amigão, as pessoas tem sempre algo a acrescentar, e querendo ou não em um futuro bem próximo as Graduações Tecnológicas serão a maioria , essa é a tendência, o mercado quer FOCO, dinamismo, rapidez .. sem mais !

    ResponderExcluir
  40. Amigos, um conselho,cada um faz a sua parte da maneira que lhe aprouve.
    Fiquem na paz,ja não basta a violencia deste mundo.

    ResponderExcluir
  41. Filhinha !!! A sua história é muito bonita e romântica, no entanto, sejamos mais objetivos, várias graduações e até mesmo as tradicionais (04 anos no mínimo) já preparam os profissionais para atuar de forma meio que precária, necessitando assim de mais estudos complementares através de pós-graduações e estudos científicos; imagine curso de 02 anos ??? será que esse pouco tempo de estudo pode dar base alguma para um profissional exercer funções de alta gerência executiva empresarial ou até mesmo jurídica-administrativa nos dias atuais da alta globalização ???? Resp: Acho que esses profissionais estarão direcionados e condenados a funções mais operacionais e repetitivas, tendo em vista os escassos conhecimentos em Administração Geral. Cara Thamys, você é muito enfática e sonhadora !!; Te dou um conselho, pois você ainda é muito jovem e possui muita disposição para os estudos, termine o seu curso tecnológico de RH, e logo depois, curse Bacharelado em Administração de Empresas ou Administração Pública e faça uma pós-graduação em Administração de Recursos Humanos, pois você prefere ser chmada de tecnologa ou de " ADMINISTRADORA " ??, TÍTULO ESSE (mais pomposo) e QUE lhe proporcionará grandes oportunidades de emprego e que inclusive lhe garantirá posições estratégicas nas organizações tanto públicas como privadas e do terceiro setor; "Não pense pequeno", "pense grandiosamente", pois ainda dá tempo de reverter decisões que talvez prejudiquem o seu futuro vindouro. E só pra finalizar, minha cara Thamyris, você é que me pareceu ser ignorante, pois aqui pra nós fazer uma escolha dessas ?!!!! não tinha nem o que pensar "Federal é federal", não tem conversa !!! Na realidade acho que você foi mal orientada, faça um teste vocacional, pois vc. tá precisando muito !!!

    ResponderExcluir
  42. Thamirys,menina nova mas com um poder das palavras de gente grande.
    E isso ai garota tem toda razão, um pais igual ao nosso, precario de estudo, que as pessoas lutam pra fazer um curso para ganhar um pouquinho a mais na sua renda mensal, e ajudar muitos dos seus familiares,que na maioria das vezes passam necessidades.
    Ai vem alguem dizendo que tem curso numa Federal,se tem tamta bagagem assim, porque não por em pratica, ajudando os mais necessitados, porque e disto que o pais percisa de pessoas que soman e não de pessoas que dividam.
    Osmar

    ResponderExcluir
  43. Esse cara aí não deve ser nem formado, porque cada hora fala uma coisa. Vcs acham que um cara com tanta formação ia ficar num blog perdendo tempo e chamando os outros de "mané".

    Outra coisa, se os BACHARÉIS formados numa FEDERAL são tão bons assim, por que ficarem preocupados com míseros tecnólogos?
    Afinal, eles já estão garantidos nos melhores empregos e concursos, não é verdade?!

    Enquanto vcs BACHARÉIS FEDERAIS passam 05 anos estudando sociologia , história, filosofia, teoria disso ou daquilo, e depois pra trabalhar de verdade precisam se especializar em RH, Finanças, etc, os tecnólogos já estão estudando isso e já estão trabalhando na área, e vcs apenas estão fazendo estágio, e olha lá hein!

    E a verdade mais dura ainda, Administração é um curso muito disperso, sem foco, vago, sem objetividade, sempre tem que ter um monte de especializações pra saber com que realmente trabalhar. Talvez por isso muitos caras comecem fazendo Adm., e despois abandonam e vão fazer Contabilidade, Direito, etc.
    Agora vai estudar senão vc não passa do primeiro ano hein!

    ResponderExcluir
  44. LI OS COMENTÁRIOS ACIMA E ENFATIZO QUE OS TECNÓLOGOS PODEM TER CONHECIMENTO,ASSIM COMO OS ADMINISTRADORES.MAS OS TECNÓLOGOS VÃO PASSAR A VIDA INTEIRA SOMENTE FAZENDO CURSOS DE ATUALIZAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO.O SALÁRIO VAI SER DE TÉCNICO MESTRADO E DOUTORADO SÓ PODE FAZER QUEM TEM GRADUAÇÃO SUPERIOR.PRA MIM NÃO TEM DISCUSSÃO.UM ALUNO PASSA 4 ANOS NA FACULDADE E NÃO APRENDE TUDO QUE SERIA NECESSÁRIO.IMAGINA EM DOIS ANOS ENTÃO.E QUERO DEIXAR CLARO QUE PELO VISTO NÃO SABEM.SOMENTE QUEM PODE APLICAR TESTES EM RH SÃO AS PSICÓLOGAS.UM ADMINISTRADOR TERIA QUE SE ESPECIALIZAR NA AREA OU FAZER OUTRA GRADUAÇÃO-PSICOLOGIA.UM TECNÓLOGO NEM PENSAR EM FAZER.SOMENTE AS DINAMICAS PARA RECRUTAMNETO.ENTÃO VÃO FAZER FACULDADE E PAREM DE SE ACHAR.VÃO PERCEBER QUANDO FAZEREM CONCURSO.TECNÓLOGO E ADMINISTRADOR SALARIO E FUNÇÃO DIFERENTE.NÃO TEM NEM QUE DISCUTIR.

    ResponderExcluir
  45. Mais um sem conhecimento...
    Tecnólogo é um curso superior de graduação, logo pode fazer qualquer pós graduação, inclusive mestrado e doutorado.

    Basta fazer uma pesquisa simples no Google que vc vai ver mestrados e outras espeicializações em Universidades Públicas , voltado para tecnólogos....

    ResponderExcluir
  46. Galera vamos parar com as ofensas, pois as mesmas não nos levarão a nada. Todo mundo tem o direito de se expressar a respeito do tema, desde que não ofenda o próximo. Comentários com ofensas não serão postados.
    Abraço.
    Obrigado pela participação de todos.

    ResponderExcluir
  47. Boa notícia para o administradores bacharéis:
    .
    O CRA-RS ajuizou ação judicial (março de 2010) na justiça federal de Brasília-DF contra as resoluções 373/09 e 374/09 ambas do CFA, que permitem que os tecnologos se registrem nos CRAS; O respectivo processo está em andamento.
    .
    ADMINISTRAÇÃO É PARA ADMINISTRADOR E NÃO PARA AMADORES !!!!

    A LEI n. 4769/65 tem que ser cumprida !!! pois lei é lei, e resolução está a baixo das leis !!!!!!

    ResponderExcluir
  48. Gente ignorante ficar discutindo quem e melhor .;tenho 14 anos e acho maior babaquice vcs homens barbados como diz meu pai que é bacharel em letras e minha mae e tecnologa e os dois tem mestrado ,e ainda estão estudando....enfim palhaçada ficar disputando espaço desta forma. AHH eu sou melhor pq sou ADM ,nãooooooo sou eu que sou tecnologo ......So lamento vão crescer vão

    ResponderExcluir
  49. Sou Gestora Publica Graduação estudei dois anos, e o que difere os curso de Tecnologia das "antigas graduações" que não temos muita teoria o curso é mais objetivo. Hoje com a internet e um vasto universo de pesquisa só não aprende quem não quer. Apenas para informá-los nos países desenvolvidos essa modalidade de ensino superior tem sido muito aplicada (Ensino Superior com carga horário reduzida. São lamentáveis alguns comentários! Também acho que os Gestores deveriam lutar pelos seus direitos e assumir um mercado de trabalho que alguns "Administradores" que estudam 4 ou 5 anos, vem deixando livre, já que é no mercado de trabalho onde precisamos aplicar os nosso conhecimentos e lá onde esta a disputa não, nos Conselhos ou Federações de Classes. Cada pessoas deve escolher o que melhor encaixa no seu perfil e seguir em frente.

    ResponderExcluir
  50. ESTOU FAZENDO ADMINISTRAÇÃO MAIS ESTOU NA MAIOR DUVIDA SE FIZ A ESCOLHA CERTA.

    ResponderExcluir
  51. É LAMENTAVEL QUE UM GAROTO DE 14 ANOS ,TENHA MAIS ENTENDIMENTO QUE ADULTOS COM TANTA MALA E SEM BAGAGEM. REALIZAÇÕES E SUSSESSO AOS ADMINISTRADORES E TECNOLÓGOS.

    ResponderExcluir
  52. Não quero desmerecer os tecnologos, mas eles devem ter seu próprio Conselho Federal e não serem registrados no CFA pois técnico é técnico e bacharel é BACHAREL e isso tem uma grande diferença.

    ResponderExcluir
  53. Bom dia Administradores Brasileiros :

    Ao observar relatos diversos á respeito de administradores e tecnólogos aqui no Brasil e em especial nesta página , cabe me esclarecer que o curso de tecnologia(Graduação -Ensino Superior) ,tendência de formação de países desenvolvidos e capitalistas onde o mercado de trabalho exige profissionais com conhecimento específico, é isto muito positivo para o aprimoramento da economia deste país tendo em vista o aumento do poderio intelectual. " EXEMPLO : No Canadá e EUA existem vagas de trabalho das mais distintas possiveis : Gestor Hospitalar( profissional tecnólogo especializado para administrar hospitais )E Administrador de Empresas ( profissional Bacharel especializado em administrar organizações,empresas) ou seja ," um administra um todo e um administra um especifico " .
    Nao muito diferente ocorre com as formações na área da saúde onde aqui no Brasil não aceita-se a formação de paramédico , somente enfermeiros e médicos . Hoje seria possivel quantificar o número de administradores que estão fora do mercado de trabalho ? Será que isto não é fruto de um processo de mudança onde o mercado precisa de profissionais especificos ? E no final o MINISTERIO DA EDUCAÇÃO NACIONAL pode manifestar-se a respeito do registro em CFA CRA , não vejo dificuldade nisto , o mesmo ocorreu com o registro do Biomédico no CRM.
    "" Antes de mais nada ressalto os frutos da colonização e lamento ainda esta nação não ser livre "".

    ResponderExcluir
  54. Nossa quanta ignorância!! paises desenvolvidos, há anos, os cursos de tecnologia são valorizados , tanto quanto os bacharéis! Eles fazem parte de quase metade dos cursos superiores nesses paises!

    Ex: Canada, Holanda, EUA, Japão, italia.... Entre varios. São cursos focados pra novas áreas, que com o avanço , modernidade e necessidade vão surgindo! O mundo não parou minha gente, as coisas mudam, o avanço acontece e principalmete ja estamos no seculo XXI! Como no Brasil desde a colonização fomos roubados e o atraso se instalou aqui em todas áreas... Esta provado que isso ainda prosegue! Tem lugar pra todos minha gente, acho que hoje em dia não cabe mais preconceitos e visões antiguadas ! Cada um sabe o que é melhor para si, e basta! Vamos nso preocupar em levantar este Brasil, quanto amis pessoas estudarem ( pensamento este, na grande maioria dos paises desenvolvidos ) melhor!

    então sejamos felizes, e bem realizados cada um em seu lugar !

    "E viva a educação", seja o titulo que for!

    vamos chegar um dia na mentalidade dos paises desenvolvidos! Creio nisso!

    Abraço à todos!

    ResponderExcluir
  55. Oi Gente!!!! Comecei ADM e não gostei, parei no 2° ano, entrei em uma faculdade de nome cursando Gestão Pequena e Média Empresa, Hoje tenho minha própria empresa e vivo bem sucedida.

    Não é a faculdade e sim a capacidade.

    ResponderExcluir
  56. É lamentável como alguns bacharéis ainda insistem em "despejar" seu veneno contra os profissionais Tecnólogos. Isso, a meu ver, pode ser ciúme, inveja, etc. O que fica claro é que há espaço no mercado de trabalho para todos.

    Por que eu estudaria 4, 5 ou 6 anos se pelo menos metade daquilo nada acrescenta à minha carreira profissional? Só para exibir o título de bacharel? Não!

    Saiba senhores bacharéis, a graduação tecnológica foi criada para atender a demanda por mão-de-obra especializada não suprida por profissões tradicionais, dando preferência, assim, por profissional com conhecimento prático ao invés daquele com formação generalista e teórico-acadêmica, apenas.

    Não queremos tomar o lugar de ninguém, apenas exigimos que respeitem nossa preferência. Uns escolhem ser médicos, outros advogados. Uns preferem ser cozinheiros, outros fazer jóias. Agora eu pergunto: se um curso de 2 ou 3 anos me dará o conhecimento necessário para exercer minha profissão, por que terei de cursar uma graduação tradicional e depois ter de me especializar para aprender a fazer o que quero?

    O mercado quer profissional que dê resultados. Não é o título que conta e sim a competência, isto é, profissional com conhecimento, habilidade e atitude. Cursar uma boa faculdade é ótimo, desde que você faça o que gosta e ainda receba por isso.

    Deveríamos aproveitar este espaço para divulgarmos pesquisas, artigos, soluções de problemas que acrescentem algo mais para a sociedade e para nosso País, e não ficar disputando quem é melhor, quando sabemos que todos somos iguais, apenas temos interesses e necessidades diferentes.

    Por fim, não é desvalorizando a profissão alheia que vamos “contribuir para um maior reconhecimento desta profissão” de Administrador.

    ResponderExcluir
  57. competência é para quem é excelente e não para agraduação, pois os tecnologos estão nesse nível.

    ResponderExcluir
  58. Sou formado e pós graduado em gestão financeira, com mais de mil horas de conhecimento específico, enquanto um administrador estuda no máximo 300 horas. Se tiver um burrarel que saiba mais do que eu na área, rasgo meu diploma, me mudo pra Goiais e vou fazer uma dupla sertaneja. Se enxerguem. Vcs têm inveja que estamos aos poucos dominado o mercado enquanto enquanto vcs viram dinossauros.

    ResponderExcluir
  59. Existem tanto faculdades excelentes para administradores e tecnólogos, com existem as mea boca. O que realmente faz a diferença e a tríade conhecimento, habilidade e atitude. um exemplo de profissional descapacitado é o exemplo dos que tentam denegrir o curso dos outros, como um bacharel que chama os tecnólogos de mané. esse cara nem deve ter curso superior, e entrou no site pra tirar onda. Colegas tecnólogos,vamos abandonar este site e deixar somente para os administradores falarem a vontade. Eles sabem que no fundo não podem impedir nosso avanço. Fui....

    ResponderExcluir
  60. Juntar bacharéis e tecnólogos em um mesmo conselho é o mesmo que juntar o Palmeiras e o corinthians em uma mesma associaçao de futebol e querer que seus torcedores se unam no estádio e confraternizem. Não tem como essa história ter um final feliz. NÂO VAI DAR CERT0. Mas como não tem jeito, vamos confabular. P.S. todos sabem que o palmeiras é melhor.

    ResponderExcluir
  61. Amigos, que bate boca inutil vamos nos encontrar aqui para trocarmos ideias e experiência, está historia que bacharel e melhor que tecnologo é bobagem, são áreas distintas eu sou TECNOLOGO tenho uma equipe formada por bachareis e tecnologos, digo que a união é muito boa na hora de colocar os conhecimentos em pratica o que era para demorar 01 semana se resolve na hora.Vamos parar com isso, quanto ao formado na FEDERAL deveria se retratar com os TECNOLOGOS e procurar endender melhor nossa classe.
    Muito obrigado pela oportunidade.

    ResponderExcluir
  62. É isso ae Chanceler!!!

    ResponderExcluir
  63. Caros colegas,

    Quem faz o profissional não é nem a faculdade nem o curso, mas sim a garra de cada pessoa. Hoje sou formada em Gestão de Recursos Humanos e tenho certeza de que sou mais qualificada e mais bem sucedida profissionalmente do que muitos administradores, e não pelo meu curso ou faculdade mas sim pelas minhas competências, habilidades e atitudes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que o maior problema da discução está na titulação, assim acredito que se o CRA deveria, já que passou aceitar os cursos, criar subcategorias, para o fornecimeto do registro. É lógico que não é o curso que faz o profissional e sim a pessoa. Mas os tecnologos não podem negar que independente do curso que fizeram será apenas uma das áreas que o Administrador teve que cursar.
      Agora pense um pouco e imagine se o CRA também passa-se aceitar que subcategorias de um curso de gestão (tecnólogo) pudesse ser feito em 12 meses o que vcs sentiriam? Ex: Se uma pessoa pudesse se formar em uma subcategoria do Gestão de RH. Se ela cursa-se Tecnicas de Recrutamento e Seleção, ou seja, ela teria visto um décimo do que vcs tecnologos estudaram e no entanto seria um profissional igual a vcs em relação ao Admisnistrador. Então o que vcs sentiriam? Como vcs agiriam?
      A culpa não seria desse profissional, como não é suas (tecnologos) a culpa, afinal ele estudou para isso, como vcs alegam. Ele seria um profissional capacitado ou vcs achariam que faltava alguns tópicos que foram importantes para vc em seu curso, não acha?
      E não pense que isso que falei é uma viagem, pois está bem próximo disso acontecer, pois o que vale é o dinheiro, e não o conhecimento. Vc pode estar achando um absurdo a pessoa conseguir Nivel superior com apenas alguns poucos topicos de seu curso, e que´isso é impossivel, mas pense bem isso aconteceu com a Administração quando criaram os tecnologos.
      Então ficar discutindo e falando um monte de asneiras, discutindo não vai dar em nada, porque os Administradores tem sua parte de razão em se sentir lesados, assim como os técnicos devem buscar seu lugar sim ao sol sim, porém os conselhos deveriam ser distintos e não o mesmo. Ninguem aqui é melhor ou pior que os outro , e essa discução deveria estar sendo direcionados para os conselhos. Vocês tecnologos deveriam estar solicitando um conselho apenas seus, pois como funciona hoje em dia, vocês podem se registrar como uma especie de esmola do CRA.
      Poxa, vcs estudaram muito para ter o diploma e uma profissão decente, lutem para ter um conselho seus, e parem com essa mania de achar que os Administradores estão com medo de vcs, ou que vcs são melhores, isso é infantilidade.

      Excluir
  64. Essa lei é tão velha e arcaica em que administradores se baseiam, que toda vez que entram na justiça, perdem feio. è so consultar sites como ANT, O blog Tecnólogo e educação e tantos outros. Ou os administradores se adaptam a nova realidade ou vão ter cada vez menos espaço. Já existem conselhos se formando e mais de 10 por cento dos cursos superiores são da área tecnológica. É uma questão de seleçao natural corporativa. Ou os conselhos e os CREAS chamam as lideranças dos cursos tecnólogicos para o diálogo ou serão fossilizados pela nova realidade econômica. Não sou demagógico nem sonhador. Pela lei, futuramente tecnólogos vão poder se eleger presidentes de conselhos e aí o bicho vai pegar. Gostaria também de me desculpar por ter entrado neste espaço sem pedir licença. Eles são destinados aos administradores. Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o que vc quis dizer com Conselhos e CREAS? CREAS como vc escreveu significa Centro de referencia especializado da assistência social. Se caso desejou citar qualquer outro conselho, não precisava citar a sigla (provavelmente quis dizer CREAs), pois sua frase ficou redundante.
      E só para completar acho que os tecnólogos deveriam lutar por um conselho próprio, uma vez que os CRAs/CFA diz a respeito de Administração, e um tecnólogo não é um administrador propriamente dito. Em sua carteira vai aparecer apenas o nome do curso tecnólogo. Assim dá a impressão que o CRA/CFA está fazendo um favor a vcs, é como se vcs precisassem de esmolas... Não sou contra o registro dos tecnólogos, mas acho que seria melhor para os vcs ter um conselho que lutasse pela sua categoria. Se o CRA/CFA não lutava nem pelos administradores vcs realmente acreditam que eles irão lutar pelos tecnólogos?!?!? Sinceramente não acredito nisso, acho que vcs estão entrando em uma fria como os Administradores.
      E pare com essa idéia de achar que os Administradores estão com medo de tecnólogos, pois se estudarem um pouco as diferenças dos cursos perceberam que os tecnólogos só podem atuar em uma área específica e em empresas de pequeno e médio porte, enquanto o bacharel em qualquer empresa e em diversas áreas afins, assim há lugar para todos.

      Excluir
  65. Administração é para administradores e gestão para gestores.

    ResponderExcluir
  66. Caro amigo Administrador e Advogado anônimo, me responda porquê a maioria de professores de cursos tecnológicos são graduados em administração?

    ResponderExcluir
  67. Sabia que a lei de bases e diretrizes da educação permite que tecnólogos sejam professores de cursos de administração, inclusive em especializações? Obrigado.

    ResponderExcluir
  68. Quando vc está com dor de dente, vai ao dentista. Se quer se reeducar nutricialmente vai no nutricionista e assim em diante. Psicólogos, fonoaudiologos, farmacêuticos e tantos outros são cursos específicos de uma área da medicina. Os médicos não reclamam e a sociedade aceita com naturalidade mesmo sabendo que nenhum deles é médico. Não se vê um fonoaudiólogo obturando o dente de um paciente e assim em diante. Se o administrador for competente seu lugar no mercado de trabalho vai estar garantido, pois o sucesso depende de três fatores: Conhecimento, habilidade e atitude. Mas se tiver conhecimento, mas não tiver habilidade de colocá-los em prática e atitude profissional, não adianta pôr a culpa nos tecnólogos, pois esses vieram para ficar e temos de aceitá-los com maturidade e profissionalismo, do mesmo modo qua os médicos atuam despreocupados sabendo que formados em cursos específicos são um complento de benefícios a sociedade. Vieram para somar e nunca subtrair. Bons administradores entenderam a mensagem e nunca tiveram receio quanto ao aumento dos cursos superiores de tecnologia.

    ResponderExcluir
  69. Nós, administradores competentes e profissionais qualificados não estamos preocupados com o aumento crescente de curso de tecnologia. É o mercado que vai decidir e acredito que existe lugar para todos. Basta não pararmos no tempo.

    ResponderExcluir
  70. Sobreo o comentário do administrador de 23 de abril, em que ele fala sobre o CRA incluir o Tecnólogo como uma subcategoria, fique claro que o CRA, apesar de ter poder de polícia, está sob as mesmas leis que qualquer orgão fiscalizador e a lei é bem clara quando diz que bacharéis e tecnólogos, independente do tempo que ficaram dentro de uma faculdade, tem igualdade de direitos em suas graduações. Só não entendo o medo de perderem espaço para profissionais com menos qualificação, como dizem.

    ResponderExcluir
  71. Discutir pra que? Ninguém vai ganhar nada com isso... Bacharelado é bom por ser generalista aprendendo um pouco de cada setor. O tecnológico, atua em uma área especifica, quando a pessoa sabe em qual área quer atuar conforme suas habilidades.
    Ninguém é melhor que ninguém, cada um tem que lutar pelo seu espaço e se mostrar competente para tal...

    ResponderExcluir
  72. Deveria saber, de acordo com o próprio cfa, que tecnólogos e administradores são quase irmãos gêmeos. Ambos possuem graduação na mesma área. O anel de formatura é o mesmo, o símbolo idem. Mas não se desesperem, pois a pl 2245 ta pra sair e ela permite criação de conselhos próprios para tecnólogos e, adivinhem, não vão poder nos restringir mais suas vontades e sentirão saudades quando fazíamos parte do seu conselho.

    ResponderExcluir
  73. O andimistrador que comentou no dia 10 de maio de 2012 parece ser mais sensato que os demais. Deve ter feito uma boa faculdade. Eu não quis dizer medo propriamente ao pé da letra mas, com certez, Tecnólogos causam desconforto sim. O CFA faz questão absoluta de ter tecnólogos em seu registro, para poder controlá-los em suas atribuiçoes. Tecnólogos podem usar o símbolo dos administradores mas não o usam. Simplesmente não há identificação. Não se vê um carro com um adesivo do símbolo de administração e escrito ao lado tecnólogo. Já estive no conselho e ficamos totalmente desconfortáveis. Tô cansado de ver engenheiros, advogados, arquitetos e outros ocupando lugar de administradores e tecnólogos e nada sendo feito. No interior, onde não há cra, a bagunça é muito maior. Não existe a menor possibilidade do conselho agir em prol dos tecnólogos. Não há esperança e é aí que cometem seu maior erro. Quando tivermos nosso próprio conselho, como aconteceu com os arquitetos, A briga será maior. Já existe rivalidade entre administradores, economistas e contabilistas e então haverá mais uma classe pela disputa do mercado.

    ResponderExcluir
  74. É um desconforto muito grande por parte dos tecnólogos pertencer ao cra. Não existe receptividade dos administradores e nem dos conselhos. E como uma invasão aos bacharéis que estudaram quatro longos anos e acham que tecnólogos deveriam servir de aprendizes aos administradores. Deveriam ler o que diz a lei. É bem clara e temos nossos direitos garantidos nela. No caso do crea, realmente, os tecnólogos na área de engenharia sofrem, e muito. São cursos com até 3 anos de duração e no final ficam como meninos de recado. Se nada for mudado, cursos da aré de engenharia serao extintos enquanto que os da area de gestao proliferarao.

    ResponderExcluir
  75. Quando um tecnólogo lança um currículo no mercado vai apenas o nome do curso. Tá escrito alguma coisa como formação superior em...e não vem nada relacionado ao tempo. Vcs ficam reclamando por ter estudado 1 ou 2 anos a mais. E culpam o CRF o tempo todo. Digo uma coisa. Estudem mais, pois nós tecnólogos não paramos e estamos sempre nos especializando. Na verdade somos parte de uma grande e desunida família. É só observar os preceitos legais.

    ResponderExcluir
  76. Concordo com o colega acima. Quando lanço um curriculo, ponho somente formacao superior em marketing e pós-graduando em mba logística. Nunca me perguntaram se meu curso foi de 2,3,4 ou 5 anos. Estou legalizado no cra e exerço minha profissão sem problemas e em cargo de chefia. Ganho bem e não acho que estou tomando o lugar de nenhum administrador. Eles que corram atrás e se especializem. Depois da pós vou fazer outro curso tecnológico para aumentar minha empregabilidade. Agradeço ao CFA por legalizar nossa profissão. Nada como ser um profissional reconhecido.

    ResponderExcluir
  77. Concordo com o colega. Quando me registrei no cra minha vida mudou pra melhor. No meu currúculo foi formação superior em marketing e ao lado do meu nome tinha o meu numero do cra. Nunca nenhum empregador questionou se fiz 2 ou 4 anos. E olha que é uma empresa de porte e ganho de acordo como um profissional de nível superior. E tem mais, sempre fui muito bem tratado no conselho e espero que continuemos assim. Favor publicar.

    ResponderExcluir
  78. Consegui emprego em um hotel de grande porte através de agência de emprego, na qual exigia formação superior em administração ou hotelaria. O hotel entendeu que eu tinha muito mais conhecimento na área e não perguntaram o tempo do meu curso. Tb o que me foi a favor foi o salário exorbitante que o administrador exigiu. Como sou da área, estou mais a par da realidade e mesmo assim não tenho do que reclamar. Ter o cra tb ajudou a abrir muitas portas. Não acho que deveríamos ter um conselho próprio, pois somos profissionais com curso superior da área de administração, como reza a própria cartilha do CFA. Posso trabalhar em qualquer área dentro de minha graduação, pois meu curso contempla um pouco de cada matéria. Acho excelente o exercício legal da profissão. Penso em fazer mais uma graduação tecnológica, pois pelos meus cálculos, é quase o mesmo tempo de uma pós-graduação e me dá poderes muito maiores. Se bem que com a especializacão eu poderia lecionar em cursos superiores. Acho que a área de administração deveria ser exclusiva de administradores e tecnólogos e não de advogados, arquitetos, engenheiros e contadores, como acontece na prática. Vamos todos exigir nossos direitos. Um abraço.

    ResponderExcluir
  79. Tecnólogos nunca lutarão por um conselho próprio, pois a indicação CRA dá muito mais moral e respeito que, digamos crt. Acreditem, o CFA tem interesse que continuemos. Imagine se todos os tecnólogos se cadastrassem. Seria o dobro de arrecadamento ou mais. Tá muito perto da mídia explorar esse assunto. Pouquíssimos tecnologos sabem do cadastro. Nem as faculdades informam, com medo que o num de administradores caia, mas já existe um movimento que pretende explorar o assunto. 2 ou 4 anos? As empresas querem profissionais capacitados em sua respectiva área. Empregos para diretoria são exigidos dos bacharéis, mas esses empregos são minoria. Quase uma loteria. O CFA lutará até o fim para que tecnólogos não tenham conselho próprio. A palavra chave é adaptação. Podemos não ser todos administradores, mas com certeza somos todos gestores.

    ResponderExcluir
  80. Sei muito bem o que é um administrador e um tecnólogo, mas alguém poderia me dizer a diferença entre administração e gestão? Favor apenas resposta educada. Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Administrador possui conhecimento para atuar em todas as áreas administrativas enquanto que o tecnólogo só possui conhecimento na área específica ao curso praticado. Caso queira mais informações basta clicar no link que vou deixar logo abaixo.
      http://www.crasp.gov.br/crasp/WebForms/Interna.aspx?campo=201&secao_id=295

      Excluir
  81. Quer dizer q o tecnólogo é um tipo de administrador q só pode atuar em uma área?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá colega, darei um explicação simples mais objetiva, o administrador que recebe o título de bacharelado não tem foco específico, pode atuar em diversas áreas da organização, o título dar a ele essa autonomia, pode atuar na gestão de Marketing, Financeira, Recursos Humanos entre outras, sua formação é muito mais abrangente possui mais ênfase científica e teórica, já o curso técnico não, ele possui caráter aplicado, visa às consequências práticas, bota a mão na massa digamos assim. Mais os dois tem a mesma importância para as empresas, contribuem de forma positiva, BACHARELADO é mais a fundo, ambos precisam se atualizar sempre, isso é fato, os administradores passam 4 anos na faculdade e sai com uma enorme bagagem de teorias, mais o profissional precisa fazer um curso de especialização em uma determinada área de interesse, o tecnólogo a mesma coisa, ficam 2 3 anos se qualificando mais precisa se atualizar sempre as novas da empresa. Logo porque, hoje você aprende uma coisa, amanhã ela já está pode não servir mais, enfim, tanto o administrador ou tecnólogo precisam de qualificação contínua. Espero que tenha entendido a minha colocação, se precisar e estiver ao meu alcance estarei á disposição.

      Excluir
  82. Olá á todos, vejo que a um grande conflito entre as profissões tecnólogos e bacharéis, no meu parecer, acho uma grande perda de tempo levar a diante essa discussão, se fosse pelo menos um debate saudável, mais não, alguns já estão partindo pela agressividade, como tecnólogos ou administradores deveriam se portar como tal, com profissionalismo, isso mancha a imagem pessoal e também profissional tanto do técnico ou bacharelado. Eu se deus quiser, e ele quer, vou colar grau ainda este ano de 2012, me formo em bacharelado em administração de empresas, 4 anos sofridos mais que valerão apena, e eu não pretendo fazer uma pós-graduação agora e sim um curso técnico em administração de recursos humanos de 2 anos e meio, depois que irei fazer um MBA em gestão de pessoas, sei que o curso tecnológico me dará a possibilidade de se ingressar mais rápido no mercado de trabalho, pois é um curso mais prático, e é o que as empresas buscam no momento a prática, claro que o bacharelado também é importante, tem suas vantagens, é um profissional respeitado. Mais o curso de bacharelado em administração é muito amplo, dar autonomia ao profissional atuar em várias áreas da organização, mais não tem foco específico, são mais abrangentes possui mais ênfase científica e teórica, o curso técnico não, ele possui caráter aplicado, visa às consequências práticas. Diante de tal conjuntura, os dois cursos são excelentes, isso não tenha dúvida, os dois cursos dão aos profissionais vasta experiências tanto teórico como prático, são cursos que o mercado de trabalho exige. Então pessoal, vamos respeitar á escolha de cada um, estamos no século XXI, ninguém é melhor do que ninguém, cada um de nós tem a mesma capacidade de crescer, de aprender, de ser um excelente profissional, não é porque eu sou um bacharel administrador que saiba mais do que um tecnólogo, o tecnólogo por ser mais prático saibam mais do que o administrador, cada um tem á sua competência, e sua habilidade de exercê-la, não somos nós que iremos medir a competência se um sabe mais do que o outro não, e sim o mercado de trabalho as empresas, se ela notar que o tecnólogo tem mais experiência e que se adequem as suas exigências diárias do que o administrador, ela o contratará, e se ela notar que o administrador tem o perfil do seu negócio mais do que o tecnólogo, ela o contratará, é assim que funciona pessoal, o conhecimento nunca é demais, o tecnólogo poderá mais adiante fazer um bacharelado, ficará mais fácil á conclusão do mesmo, pois já terá a prática, apenas terá que se preocupar em aprofundar mais a teoria, e o bacharelado poderá fazer um curso técnico, ficará mais fácil também, pois já tem um vasto conhecimento teórico, terá que aprofundar mais na prática. Viu como ambos são importantes? Eu nunca me esqueço de uma frase que a coordenadora do nosso curso de bacharelado em administração nos disse no comecinho do curso:
    Nosso ''CONHECIMENTO’’ deve ser todos direcionados á SOCIEDADE, só assim terás valido apena APRENDER! Tornam-se inútil se aprendermos e não compartilharmos esse nosso aprendizado a favor do crescimento do nosso PAÍS’’. Para o nosso colega anônimo, eu posso falar a sua altura, pois me formo no final do ano de 2012 em bacharelado em administração, mais jamais teria coragem de descer ao seu nível você que diz ser um maioral por te um curso de bacharelado, o todo poderoso, deveria ao invés de rebaixar o curso tecnológico desse jeito, deveria orientar contribuir para que o mesmo se tornasse cada vez melhor, dividir seu imenso conhecimento na área como administrador para tornar o curso mais respeitado como qualquer outro curso, eu sei que o curso de bacharelado não dar uma formação prática que as organizações procuram. Busque mais informações sobre um curso técnico, sobre a sua importância para as organizações antes de sair por ai falando qualquer coisa sem fundamento.

    Um grande abraço colega de profissão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Existem mobilizaçoes fortes em todo o país para que a pl 2245 seja aprovada. Como vc disse, colará grau este ano e acredita que tudo será um mar de rosas. Muito cheio de filosofia e boa vontade. Dizer que tecnólogo é isso, bacharel é aquilo é perda de tempo e cansativo. Deixa eu te dar uma notícia simples. Pela lei, o termo bacharel não existe. Você será um Administrador de Empresas. O sindtecno da Bahia já tem 15 açoes contra estatais que utilizam este termo para excluir o tecnólogo, e já tem pareceres favoráveis, principalmente contra a petrobrás. Tudo baseado em editais que solicitam profissionais com exigência do bacharelado, que a lei diz que é um termo usual desde a época do império e não possui base legal. Não se pode fazer exigência para cargos públicos nesses termos. A única coisa do pl 2245 é que diz que nós, tecnólogos poderemos ter nossos próprios conselhos, o que sou contra, pois o CFA nos acolhe muito bem. E pos favor, ñós somos Tecnólogos e não tecnicos. Retribuo o abraço e gostaria que todos os administradores fossem tão esclarecidos como você. Acredite, a maioria não tem a mente tão aberta.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Discordo plenamente de você, não é filosofia minha em hipótese alguma, aceite que nossa profissão não nos dar uma sólida experiência, logo porque quando formamos precisamos imediatamente fazer uma especialização, não é falando mal de nossa formação não, jamais, somos bons no que fazemos, e o curso de administração é excelente, eu só não entendo um profissional como diz ser rebaixar o curso de técnico assim, se o CRA que acolher os técnicos, dando a eles o registro o que a de mal nisso? Isso não nos afetará como profissionais, não me vai dizer que está com medo de perder uma colocação no mercado por causa dos técnicos? Agora um técnico que tem uma experiência prática e podem ser tratados como tal, profissionais respeitados que tem uma contribuição enorme para as empresas são perseguidos? Nós temos que aceitar que eles são bons no que fazem, é óbvio, e eu tenho certeza que eles têm a mesma visão sobre nós bacharéis. Eu estou sendo profissional, qual aproveito poderíamos tirar disso, porque não unirmos e tornar o nosso conselho mais respeitado, mais sério, mais forte? Cai para nós, o CRA está desatualizado, 47 anos de regularização, desculpe-me o que vou lhe dizer, nosso conselho está precisando de uma reciclagem urgentemente, tanto na fiscalização e na aplicação de uma prova á todos os bacharéis e técnicos que buscam junto ao órgão o seu registro, assim ficaria mais valorizado o administrador, melhor dizendo, os profissionais em geral. Sua preocupação é com o registro correto? Você não aceita encontrar um técnico com o registro do CRA. Ao invés de você ficar ai se preocupando com uma coisa que não nos afetará em nada, porque não apresenta ao conselho um projeto, cobrando da mesma mais fiscalização inibindo assim os falsos administradores que atuam por ai sem formação alguma, no dia a dia em várias empresas é visto isso, um médico, advogado, veterinário entre outros usufruindo do nosso nome profissional, nosso título de ADMINISTRADOR, cadê o conselho para inibir os falsos administradores, cadê o conselho para fiscalizar com mais rigor as empresas que aceitam sem nenhum impedimento os concedem o titulo de administrador, que nem se quer tem curso superior em administração ou um curso técnico, isso sim que deveria ter fiscalização mais séria, punição, processo e é o que não acontece. E mais uma coisinha colega, quando o argumento é feito de forma anônima fica um pouco duvidoso você não acha? Você é o destaque do debate, o mais interessado e vejo-o no anonimato? Você está defendendo a sua posição sendo contra o registro do técnico junto ao nosso conselho, então as pessoas espera conhece-lo mesmo sendo só pela foto.
      Mais uma coisa, jamais os cursos técnicos serão banidos, porque eles já dominaram o mercado, o seu espaço, nós como administradores sérios com princípios éticos e morais, devemos conquistar nosso espaço também como eles estão fizeram. Você tem que entender que a minoria é você aqui no debate, e você como profissional deve saber muito bem que a minoria aqui no Brasil não conta, é triste dizer isso, mais é a mais pura realidade do nosso País. Você ainda vem me falar da Petrobrás, a maior Empresa do Brasil, que atua em vários seguimentos da indústria, gás, óleo e energia, e que necessita urgentemente de técnicos com formação rápida para suas atividades diárias, não sei não, uma ação contra uma empresa gigante como a Petrobras? Poucas chances de ganhar uma ação contra a mesma, a classe política é a maior interessada nessa enorme fatia do bolo meu caro. Aceite, os técnicos farão parte de nosso conselho, um processo como esse entre gigantes pode durar anos e anos, uns 15 á 20 anos, você conhece muito bem nossa Justiça Brasileira, mais lenta do que uma tartaruga, caberá também recursos, vai ai mais 10 anos e assim por diante. Não vejo problema algum nisso os técnicos fazerem parte do nosso conselho, que implicância é essa meu deus.

      Excluir
  83. Parabenizo ao autor pela remoção de comentários difamatórios e sem educação. Administradores devem saber se comunicar adequadamente e com coesão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não colega, não tinha nada de difamação, é a mesma coisa, apenas melhorei o meu argumento, tornei-o mais simples para vocês entenderem melhor, eu não sou desse tipo não,meus princípios não me permite usar termos vulgares, e sim deixar claro diante dos fatos a minha opinião.
      Volto a dizer, pessoa no anonimato, os argumentos se tornam duvidosos, para que se esconder?

      Excluir
  84. Tecnólogos são profissionais especialistas em suas áreas enquanto Administradores são profissionais generalistas. Deve haver entendimento quanto a essa diferença. Todos são de nível superior. Todos pertencem ao cra da mesma maneira.

    ResponderExcluir
  85. Noto que novos administradores são mais abertos a nova realidade de mercado. Possuem visão ampla do mercado e entendem que na verdade, com a entrada dos tecnólogos nada mudou. Seu perfil de profissional multi tarefa continua a ser apreciado em grandes empresas para cargos de administração geral, pois, possuem conhecimentos diversos. Quanto aos departamentos específicos, como por exemplo um cargo de chefia em marketing, sua concorrÊncia é de igual para igual para com os tecnólogos. Os conselhos reconhecem esse profissional como de nível superior e está habilitado na forma de lei para gerir cargos específicos em sua área de formação. Não sei o porquê dessa resistência se sabemos que cursos superiores de tecnologia somente tendem a crescer, como apontam pesquisas. Administradores que tem consciência dessa nova realidade não ficam se lamentando. Continuam estudando cada vez mais e se especializando, pois sabem que somente um diploma e um título não garantem sucesso a ninguém.

    ResponderExcluir
  86. Concordo plenamente. Um verdadeiro administrador entende que mudanças fazem parte e que sucesso depende de capacidade de adaptação. Não me preocupo com a inserção dos tecnólogs no conselho. Quem decide é o mercado qual o perfil de profissional é mais relevante para suas empresas. Não discuto se é certo ou não esses novos profissionais no conselho. Estou concluindo o trabalho cientifico de minha primeira especialização e penso em ir adiante. Quem ficar lamentando e parado terminará guardando o diploma na gaveta e aderindo a um emprego menor. Olhemos para frente porque não adianta nadar contra a maré.

    ResponderExcluir
  87. Reclama-se dos tecnólogos mas se esquece que são profissionais com nível superior na área e com direito legítimo de registro e atuação em sua área de trabalho. O erro principal está na aceitação de arquitetos, engenheiros, advogados entre outros ocupando cargos que seriam por lei dos administradores e tecnólogos e os conselhos não se manifestam. Agem com cautela e de uma forma pacífica que incomoda.

    ResponderExcluir
  88. Tecnólogos são administradores com direito a exercer suas atividades em uma área. Gerir e administrar são sinônimos.

    ResponderExcluir
  89. Resumindo: diante da postura do CFA e CRA(s) qualquer profissional que tenha uma MBA ou algo similar pode exercer a função de administrador com o registro profissional. Tentem fazer uma especialização em direito por exemplo... nem a inscrição conseguem... qualquer pessoa com pode fazer um MBA em administração.... já em outras áreas.... OAB CFM e outras entidades de classe realmente criam e defendem seus mercados de trabalho... vejam os contadores que muitas vezes não são devidamente respeitados. Eles também se organizaram e buscam seus direitos... e eles ao contrário da ADM, além de permitirem o registro apenas às pessoas que cursaram curso superior (ou tecnólogos) já implementaram provas como a OAB. Agora o CFA instituir provas e no final o CRA ser apenas instrumento de arrecadação de taxas seria contraproducente .... é interessante como o CFA, CRA e principalmente a classe dos administradores é desorganizada! rsrsrs

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário aqui. Obrigado pela visita.